Vancouver x Toronto: qual é a melhor cidade para morar no Canadá?

share on

Onde é melhor para se viver, Vancouver ou Toronto? Qual é a melhor cidade, Toronto ou Montreal? Quando o assunto é intercâmbio no Canadá algumas dúvidas surgem a respeito de para onde deve se traçar planos, apesar de a certeza de muitos brasileiros ser a vontade de viver no maior país das Américas.

 

O Canadá é um país famoso pela diversidade multicultural, pela aceitabilidade de mão de obra estrangeira e pelo desenvolvimento tecnológico. Sendo assim, os seus centros urbanos são bastante atrativos. E o fato é que existem vantagens e desvantagens de morar em Toronto e também em Vancouver, as cidades que abordaremos neste artigo.

 

Se você tem questionamentos como “qual cidade é mais barata Toronto ou Vancouver?”, por exemplo, você está no texto certo.

Comparativo: Vancouver e Toronto

Vancouver
é uma cidade litorânea do oeste do Canadá, que pertence à província de British Columbia (Columbia Britânica). A região metropolitana concentra cerca de 2 milhões de habitantes, sendo 700 mil somente da cidade.

 

É considerada uma das cidades mais belas do país – em um cenário que mescla montanhas, praias e arranha-céus – e mais limpas do mundo, sendo um centro cultural de referência quando se pensa no Canadá.

 

Toronto é a maior cidade canadense e está situada no sul da província de Ontário, da qual é a capital. 6 milhões de pessoas fazem parte da população da região metropolitana, sendo que 49% dos moradores de Toronto são não-nativos, o que revela a alta influência dos estrangeiros na cidade.

 

Por causa de sua forte influência econômica, muitas pessoas pensam que ela é a capital do Canadá, mas não. Toronto é considerada a capital empresarial, sendo também o destino de turistas e intercambistas do mundo todo, que estão à procura de uma cidade que relacione economia, telecomunicação, cultura e turismo.

Educação

Toronto
atrai olhares de quem quer estudar, principalmente inglês, negócios, marketing e telecomunicações. Sendo assim, é uma porta de entrada para os imigrantes que desejam trabalhar no país, visto que a educação é uma “porta de entrada” para esta finalidade.

 

Vancouver
conta com excelentes universidades, escolas internacionais e escolas públicas gratuitas que aceitam expatriados e quem tem visto de trabalho, além das escolas privadas. É importante destacar que cada província tem autonomia para regulamentar a educação – diferentemente do Brasil, onde a responsabilidade disso é do Ministério da Educação -, sendo que na British Columbia, a exigência é de que pessoas de cinco a dezesseis anos estejam regularmente matriculadas.

Conheça a University Canada West, em Vancouver

Uma das universidades referências de Vancouver, com dois campi extremamente modernos e bem equipados no centro da cidade, é a
University Canada West (UCW).


Ela é voltada para negócios e tecnologia e aceita estudantes internacionais para cursarem algum de seus programas, sendo eles:
MBA, Bacharelado em Comércio, Bacharel em Comunicação Empresarial e
Artes.

 

Além de professores com muita experiência, a
UCW oferece diversos benefícios a estudantes internacionais, como subsídios e bolsas de estudos, ingresso flexível, turmas pequenas e taxa alta de empregabilidade – sendo que 100% dos alunos de MBA conseguem emprego em até um semestre após a formatura.


Depois de formados, muitos profissionais se destacam no mercado, conseguindo vagas em empresas multinacionais como Apple, Telus, Walt Disney World, Sony Picture Imageworks, Siemens e Nestlé.

Para estudar na University Canada West, você precisará:

  • de um
    diploma
    de Escola Secundária Canadense (ou equivalente);
  • ou ter
    21 anos de idade ou mais, estando, pelo menos, há dois anos fora do ensino médio e comprovar sucesso por meio de atividades acadêmicas, profissionais ou voluntárias;
  • e
    IELTS acadêmico com nota mínima 6 em escrita.

Crédito das fotos: @university_canada_west

Economia 

A localização estratégica de Toronto no Lago Ontário – um dos cinco grandes lagos da América do Norte – faz dela um importante centro comercial. Por ali, os navios conseguem transportar mercadorias facilmente até o oceano Atlântico, por meio do Rio São Lourenço.

 

Os setores que mais movimentam a economia de Toronto são:
tecnologia da informação, moda, cinema, processamento de alimentos, grandes bancos e instituições financeiras.

 

Vancouver também tem o privilégio de possuir o Porto de Vancouver, o maior do Canadá. Isso permite que as ofertas de emprego sejam diversas: indústria petrolífera e de gás natural, indústria varejista, turismo, tecnologia e mercado digital.

Transporte

Toronto é uma cidade plana, que favorece quem gosta de pedalar ou de caminhar. Porém, não dá para caminhar por toda uma metrópole… Por isso, o sistema integrado de transporte público –
Toronto Transit Commission (TTC) – funciona muito bem, com ônibus, metrô e bondes elétricos.

 

O excelente sistema integrado de transporte público de Vancouver abrange também as outras cidades da região. O Translink é um deles, que conta com ônibus, metrô e barco. Já o West Coast Express, transporta trabalhadores que vivem mais distantes do centro, somente durante a semana. Há, ainda, outros ônibus e ciclovias pela cidade. Os moradores podem adquirir o CompassCard para utilizarem em qualquer meio de locomoção, de acordo com o plano contratado.

Lazer

Toronto oferece opções em cultura, em gastronomia e em pontos turísticos diversos. Por ser sede das principais redes de comunicação do país, cinema, teatro, música, televisão, galerias, museus, festivais e eventos públicos não faltam!

 

Considerado um patrimônio histórico do Canadá, o Kensington Market é um mercado ao ar livre localizado no centro, no qual é possível experimentar a culinária típica de países do mundo inteiro.

 

Outros atrativos são: a Torre CN, o Toronto Motorsports Park, o Ripley ‘s Aquarium of Canada e a Biblioteca de Livros Raros Thomas Fisher.

 

Além do inglês, que é o idioma oficial, estima-se que outras 160 línguas são faladas na cidade, já que Toronto recebe cerca de 23 milhões de visitantes todo ano.

 

Vancouver
é conhecida pela vida noturna agitada, oferecendo um leque de bares, de boates e de festas que tocam músicas de estilos variados. Para o dia, passeios ao ar livre são recomendados, como trekking nas montanhas e passeios de bicicleta.

 

É possível assistir a jogos de hockey; conhecer o Stanley Park, um enorme urbano, no qual fica o Vancouver Aquarium; e apreciar as praias em dias quentes e admirar o pôr do sol diariamente na English Bay Beach.

 

Cultura e arte também são o forte da cidade, a exemplo do Festival Internacional de Cinema de Vancouver.

Clima e temperatura

As quatro estações são bem definidas em Toronto, com verão quente e úmido e inverno frio e seco. No verão, as temperaturas oscilam entre 15,5º C e 26º C. É uma das cidades mais quentes do país e o inverso rigoroso atinge mínimas de -6,6º C e máximas de 0º C.

 

Vancouver tem um clima agradável para os brasileiros, levando-se em conta as demais cidades canadenses, com invernos que não são tão rigorosos, por exemplo.

Durante o verão, a temperatura média é de 22º C; na primavera e no outono, de 14º C; no inverno, pode chegar a 2º C.

Qual cidade devo escolher para viver?

Bom, essa resposta vai depender de qual cidade combina mais com o seu perfil e com os seus objetivos profissionais. Tanto Toronto quanto Vancouver são ótimas opções e, caso você queira saber informações extras sobre cada uma delas, temos o
Guia completo de Toronto e o
Guia completo de Vancouver. Vale a pena ler cada um deles.


Além disso, você pode
entrar em contato com os consultores da Spiible especialistas em intercâmbio no Canadá, até mesmo para entender melhor sobre como estudar na University Canada West e ter uma experiência completa no maior país das Américas!



Quer uma consultoria gratuita com o time Spiible